Aposentado desde o fim do ano passado, maior nome da história do futsal relembra lance em que faz fila na defesa da Espanha e acaba não marcando gol em eliminação do Brasil.

Foto: Reprodução
Veja o vídeo nos links a seguir:
https://globoesporte.globo.com/sp/tem-esporte/futsal/noticia/falcao-relembra-lance-magico-da-copa-de-2004-o-gol-que-mais-gostaria-de-ter-feito-na-carreira.ghtml

https://www.instagram.com/p/B2SHhyyh7wY/

Foram mais de 100 títulos na carreira e 3 mil gols marcados, mas o craque Falcão lamentou um dos inúmeros lances mágicos ao longo da carreira, mas que não conseguiu balançar as redes adversárias.

Na semifinal da Copa do Mundo de Futsal de 2004, o Brasil empatou no tempo normal com a Espanha por 2 a 2, mas acabou derrotado nos pênaltis. Apesar da derrota, Falcão foi considerado o melhor jogador do torneio conquistando a chuteira de ouro, além de ser artilheiro da competição.

No entanto, um lance poderia ter mudado a história do confronto. Em grande fase, Falcão passou por praticamente todo o time espanhol antes de finalizar. A bola passa raspando a trave. Classificada à final após decisão nos pênaltis, a Espanha foi campeã mundial em cima da Itália.

Principais títulos de Falcão por clubes:

  • Estadual: 13
  • Liga Nacional: 9
  • Sul-Americano: 7
  • Libertadores: 7
  • Mundial de clubes: 2

Principais títulos pela seleção:

  • Copa do Mundo: 2
  • Grand Prix: 11
  • Copa América: 5

Fonte: Globo.com